terceira pessoa

Material Sintético

Fulana pergunta-se: quando foi que deixou de conseguir entrar na brincadeira da criança; quando foi que deixou de ouvir a música nos seus ouvidos como se fosse trilha sonora do que vê pela janela do ônibus; quando foi que deixou de se incomodar com as marcas onipresentes do tal de capitalismo.

E o narrador se pergunta como diabos sabe disso tudo sobre Fulana.